[Analisando Distopias]Metalhead: o melhor inimigo do homem

Quando você começa a assistir a esse episódio de Black Mirror, você encontra um mundo pós apocalíptico sobre o qual você não sabe nada, nem passa a saber no decorrer do episódio. Só o que se sabe é que máquinas passaram a dominar o mundo e a perseguir os humanos, sem que se explique como…

[Analisando Distopias]O Eterno Brilho da Distopia dos Namorados

O Eterno Brilho da Distopia dos Namorados “Como é imensa a felicidade da virgem sem culpa. Esquecendo o mundo, e pelo mundo sendo esquecida. Brilho eterno de uma mente sem lembranças! Cada prece é aceita, e cada desejo realizado;” Este é um trecho traduzido de “Eloisa to Abelard”, poema do inglês Alexander Pope, citado no…

[Analisando Distopias]Hang the D.J. – Os novos algoritmos do amor

Hang the D.J. – Os novos algoritmos do amor Imagine só se você estivesse destinado a um casamento arranjado. Agora, imagine que não são os seus pais as pessoas que vão decidir seu par romântico para toda a sua vida: será um app. Isso mesmo: um aplicativo! A falência dos relacionamentos duradouros face à contraditória…

[Analisando Distopias] Onde Está Segunda? – Uma visão anti-malthusiana

Onde Está Segunda?: O que achamos que falta já tem e o que achamos que irá faltar será, possivelmente, solucionado pela tecnologia – Uma visão anti-malthusiana Num futuro impreciso, durante o ápice de uma crise de superpopulação e problemas na produção de alimentos, cientistas inventam supersementes que possuem, como efeito colateral, a maior probabilidade de…

[Analisando Clássicos do Suspense e Terror] – Lendas do "folclore contemporâneo"

Saudações sombrias, fãs do terror e suspense! Então, já ouviram aquelas histórias de caráter sinistro que circulam boca a boca? (Ou circulavam mais antes da era da internet, e bem antes das ”creepy pastas”…) Histórias como “a mulher do espelho”, “a van que leva criança”, o “homem da seringa”, “o boneco amaldiçoado”, aquela pessoa famosa…

[Analisando Clássicos do Suspense e Terror] – Tempestade de Verão

Saudações novamente queridos fãs do terror e do suspense! O filme de hoje é a continuação estrelada pelos sobreviventes do filme que analisei na matéria anterior.  Feito em 1998 na tentativa de seguir o merecido  sucesso de “Eu sei o que vocês fizeram no verão passado”, o precursor “Eu AINDA sei o que vocês fizeram…