[Crítica]Marvel Runaways

A mais nova série original do serviço de Streaming Hulu, é mais uma aposta da Marvel na TV, e já foi confirmada uma segunda temporada. Mas, a série vale a pena ser assistida?

A série é baseada no sucesso das HQs de mesmo nome, criada pela dupla aughan e Alphona em 2003. Eu conhecia um pouco da equipe, já que eu cheguei a ler um pouco no passado, mas não tenho muito como comparar. Dentro da série, é nítido que a equipe foi muito bem transportada das paginas para as telas, e eu sinceramente gostei dos atores. A maioria do elenco é desconhecido para mim, e não encontrei ninguém que não fosse bom, até mesmo o elenco mais velho.

A série tem alguns problemas claros de roteiro, mas consegue contar uma boa estoria. Os episódios são bem dirigidos, mas também não chegam a impressionar. O que é mais chamativo dentro de toda a proposta são os personagens. Você consegue se apegar muito bem a todos eles, e entende seus medos, seus sonhos, seus traumas e  suas diferenças, algo que é muito importante para o grupo fluir.

Todo o mistério que é criado em torno da organização Orgulho é cativante, e sempre deixa aquele gostinho de quero mais. Isso se torna um grande incentivo para continuar assistindo. Embora a série não seja perfeita, ela conta com bons momentos de amizade, que lembra muito bem aquela pegada dos filmes mais antigos, como Goonies e praticamente todos os outros filmes do Spielberg na década de 80.

“Fugitivos” mistura muito bem toda aquela atmosfera maluca que é a adolescência, com uma pegada geek/nerd, mas sem perder o foco na estoria. A grande solução para o sucesso da série veio da dupla Josh Schwartz e Stephanie Savage, dupla responsável por séries adolescentes como The O.C. e Gossip Girl. O resultado foi uma série de super-heróis muito bem acomodada no mundo teen, diferente de tudo que já havia sido feito antes. A série ainda mostra momentos difíceis que todo adolescente já passou, como relacionamentos, autoconfiança, entendendo e descobrindo como o seu corpo funciona (e seus poderes também), medo de dizer ao mundo como você realmente é, depressão, vontade de mudar e ser alguém novo, e muito mais. Para uma série nerd, é muito importante que tal representatividade esteja presente, começando pelos próprios personagens.

Os efeitos da série são muito bons, e não deixam a desejar a nenhuma outra produção atual. Isso inclui Alfazema, a dinossauro de Gert, que momentos aparece como animatrônico, e momentos em CGI sem perder a qualidade. E isso vale para toda a série, as cenas dos poderes dos personagens sendo revelados, as loucuras da Orgulho, tudo muito bem realizado pela equipe de efeitos visuais.

“Fugitivos da Marvel” como chegou ao Brasil, ou apenas ‘Runaways’, é uma série curta de apenas 10 episódios e de grande qualidade, sofre com alguns problemas, e poderia ter sido muito superior, mas só de assistir a esse grupo de adolescentes tão diferentes e tão amorzinhos, já vale o seu tempo. Duvido você não começar a shipar os personagens logo no primeiro episódio.

Nota: 8.8 (Ótimo)


Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s