[Resenha] Deep – Stage Dive Volume 4

A série mais sexy dos últimos tempos chega ao final… Positivo. Com aquelas duas linhas do teste de gravidez, tudo na vida de Lizzy Rollins, uma simples estudante de Psicologia, estava prestes a mudar para sempre. E tudo por causa de um grande erro em Las Vegas, cometido com Ben Nicholson, o irresistível baixista da banda Stage Dive. E daí que Ben é o único homem que fez Lizzy se sentir completamente segura, adorada e descontrolada de desejo ao mesmo tempo? A universitária sabe que o lindo astro do rock não quer nada além de um pouco de diversão, ainda que ela mesma busque justamente o contrário. Por outro lado, Ben sabe que Lizzy está em zona proibida. Totalmente. Ela é a nova cunhadinha do seu melhor amigo, e pouco importa o quanto a química entre ambos seja fenomenal, não importa o quão sexy e doce ela seja: o baixista não vai tomar nenhuma atitude. No entanto, quando Ben precisa mantê-la longe de problemas na Cidade dos Pecados, ele rapidamente descobre que o que acontece em Vegas nem sempre fica em Vegas. A partir daquele momento, Ben e Lizzy estarão ligados do modo mais profundo que existe… mas será que isso os fará ligar seus corações?

Deep é o quarto e último livro da Série Stage Dive, que é composta por quatro livros, cada um deles protagonizado por um dos componentes da banda Stage Dive. A história é focada em Liz e têm início no momento em que ela descobre que está grávida, após uma única noite de loucura e paixão. O Pai do bebê, Ben Nicholson, é o baixista da banda e um dos melhores amigos de Mal, seu cunhado, que tendo casado com sua irmã há pouco tempo acabou adotando-a como irmã mais nova também, e demonstra cuidados em excesso. E por conta dessa proximidade com Mal, Ben desde o início tentou resistir ao máximo às investidas sexuais dela, sem sucesso obviamente.

O livro conta com algumas reviravoltas no relacionamento dos dois, muita intromissão de família, mídia. Sem contar a própria indecisão deles mesmos. havia momentos que os dois pareciam estar fazendo drama desnecessário. O que me salvou um pouco foram as aparições dos casais dos livros anteriores, um pessoal bem louco, diga-se de passagem.

A leitura flui fácil, até rápido demais para ler. Contudo em certos pontos achei a escrita fraca e uma tradução muito literal, me causando um desconforto ao ler, mas entendo a dificuldade que deve ser traduzir quando a autora acaba por usar expressões idiomáticas.

Particularmente,apesar de gostar do gênero erótico e até mesmo de drama, o livro não me agradou como achei que fosse gostar. Visualmente ele atrai atenção, mas deixa a desejar no enredo, fazendo o clichê chato.

Recebi este livro sem nunca ter lido os volumes anteriores, eu sequer conhecia a série, mas me foi dito que poderia ler sem problemas. Porém senti alguns obstáculos ao pegar justo último volume da série: não consegui me identificar com os personagens e em certo ponto passei a desgostar completamente deles. Aprendam com meu erro e nunca pegue o último livro pra ler sem terem lido os anteriores.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s