[Crítica] Logan (2017)

Resultado de imagem para Logan wallpaper

“Num futuro próximo, um Logan cansado cuida de um Professor X debilitado, escondido na fronteira mexicana. Mas as tentativas de Logan de esconder-se do mundo e de seu legado acabam quando um jovem mutante chega, perseguida pelas forças sombrias”.

A história do filme se passa no ano de 2029, quando as vidas de Logan (Hugh Jackman) e Charles Xavier (Patrick Stewart) se veem cruzadas com a de Laura (Dafne Keen). Um incidente trágico ocorreu e fez com que os mutantes começassem a entrar em extinção. Logan está cansado e em crise por não se sentir disposto a cuidar de mais mutantes. Contudo, as semelhanças entre ele e Laura não são poucas, de modo que acabe sendo criado um vínculo maior entre a Arma-X e a X-23. É uma parte interessante de ser analisada, porque nos mostra um futuro de certa forma apocalíptico em que a raça mutante pode vir a não existir mais.

A franquia X-Men, como sempre, apresenta furos na cronologia, então é necessário assistir ao filme como algo independente dos outros, para não ficar embolado na hora de tentar juntar os fatos que aconteceram. Pode haver uma confusão com a personagem Lady Letal, que apareceu em X-Men 2. Nos desenhos e em alguns quadrinhos, a Lady Letal é uma inspiração para a X-23, mas, nesse filme, a X-23 é focada na história de Laura Kinney.

Laura, assim como Logan, se mostra bastante traumatizada com a situação em que vive e os riscos que corre, mas a sua força é imensa e semelhante à do homem. Ela consegue derrotar aqueles que cruzam o seu caminho, sem hesitar lutar quando se vê na necessidade disso. É uma personagem incrível, que cativa o público logo em suas primeiras cenas.

Resultado de imagem para Logan

Há referências às HQs o tempo inteiro. Inclusive, as HQs estão presentes dentro da história e servem como pano de fundo para o desenvolvimento da história.

As sequências de ação são excelentes, fazendo o espectador se empolgar sempre que entram em cena as garras de Logan e Laura. Vemos uma nova dinâmica, em que está presente um Wolverine velho e afetado, e um Charles Xavier que apresenta dificuldades para manter os seus controles psíquicos e definha aos poucos. O espectador consegue sentir o drama e a dificuldade dos personagens em continuarem sobrevivendo e lutando contra a morte.

Logan é o décimo filme da franquia X-Men e é uma adaptação inspirada na história em quadrinhos chamada Velho Logan. É também o último filme de Hugh Jackman, trazendo um marco final emocionante e épico à trajetória do Wolverine que aprendemos a amar.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s