{Critica} Fallen – O filme

 Responsabilizada pela misteriosa morte de seu namorado, Lucinda Price (Addison Timlin) vai para um reformatório. Em Sword & Cross ela se aproxima de Daniel Grigori (Jeremy Irvine), sem saber que ele é um anjo apaixonado por ela há milênios, e também não consegue se manter afastada de Cam Briel (Harrison Gilbertson), outro que luta há tempos por seu amor.

Como fã do livro, posso dizer com todas as letras: o filme não deu certo. Não funcionou para mim. “Como assim lua?” Você deve estar perguntando. O filme para mim foi ruim, foi sem graça e com um elenco que não era dos melhores. As cenas pareciam um aglomerado de cenas cortadas e que alguém no estúdio pegou e juntou. Mas há partes boas no filme, a cenas em que você ri e em que você se emociona, mas nada se compara a escrita de Lauren Kate.

Fallen conta a história de Luce e como ela vai parar em um “cólegio” para pessoas consideradas perigosas para a sociedade, ou que apenas não se adaptam. Porém dentro dessa escola há um certo grupinho, que futuramente você descobre o que eles são. Mesmo com todo mundo sabendo o que são eu não vou falar. Entretanto, para esse segredo finalmente sair durante o filme, foi um parto! O filme forçava para esconder. Sinceramente, faltou pegada.

Os personagens são bons, mas pareciam não se conectar durante o filme. E como se você pegasse um quebra cabeça, montasse e tirasse metade das peças do meio. Tudo bem, ele tem continuação, mas até mesmo o fim do filme, que é para entrar na sequencia dele, foi algo que não valeu tanto apena. Mudaram a história de alguns personagens, mas a pior mudança foi a da Penn, ela perdeu destaque, perdeu sentido. Foi como pegar uma menina e só joga-la no filme para dizer: olha tem uma normal aqui.

Fallen poderia ter se transformado em uma série, talvez funcionasse melhor e pegasse mais o pessoal de primeira. Pois eu não fui a unica a achar isso, conversei com algumas pessoas depois que saimos da sessão e muitas delas gostaram mais dos efeitos do filme do que as história em si. E eu amo a história do livro, entretanto, eu não senti a mesma vontade de ver o segundo filme como senti quando li o livro. Não acho que o  Tormenta deveria virar continuação, e sim fazer como série de tv, funcionaria muito mais.

Nota para o filme: 4,5 – se fosse uma série ganharia um 7,0 talvez.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s