Um ano para recordar? – Gilmore Girls

Sim, elas voltaram! Lorelai esta linda novamente, e neurótica com sua vida? Talvez. Mas o assunto da vez é RORY. O que aconteceu com a pequena Gilmore 10 anos depois? Não era basicamente isso que os trailers nos retratavam? Então, a Rory cresceu, e está desempregada, sem namorado (bem os trailers diziam isso, como é sem spoiler, eu ficarei quieta), então ela volta para casa.

Nossa querida caçula Gilmore dessa vez não quer a ajuda da avó, já que nosso Richard não está entre nós, pois o ator que fazia o mesmo faleceu a alguns anos. Já Emily fica completamente perdida com a morte do homem que esteve ao seu lado nos últimos 50 anos. Com isso a casa que conhecemos, totalmente organizada e com a troca de empregadas mais surpreendente que já vi em todas as séries que eu já assisti, começa a parecer sair do eixo, a mesma empregada ficou durante todos os episódios, consegue imaginar uma empregada se dando bem com Emily Gilmore? É muita coisa surpreendeu.

Mas e Rory? A menina que se formou em Yale e teve sua formação final em jornalismo, está desempregada. O The New York Times não aceitou a estrela que era a Rory, então ela teve que se virar como pode, fazendo artigos aqui e ali. Até que alguns lugares a chamam, entretanto, a pequena gilmore parece que as vezes esquece que ela é uma mera mortal, logo, ela precisa de um portfólio e coisas assim para entrevistas e afins, além de respostas para perguntas que já são pré prontas, e que ela não tem ideia de como responder. É nessa hora que você começa a perceber que a Rory não cresceu nada nos últimos anos. E além disso, ela começa a ficar bem parecida com a mãe.
Já Lorelai, ela está perdida também, bem menos que Rory com toda certeza, mas perdida em sua forma de administrar a pousada e mais ainda de como está a sua vida amorosa. Não, não há outro homem na vida de Lorelai, entretanto, ela sente que seu relacionamento com Luke não é dos melhores, e com isso ela está se perdendo.

As meninas Gilmore estão se reinventando e se reencontrando nesses quatro episódios, e a ultima frase do seriado deixou novamente um gosto de quero mais, será que teremos mais? Sobre as piadas com diversos generos, Amy Palladino não perdeu a mão, a série continua leve e engraçada, com poucos toques de drama, mas drama suficiente para envolver enquanto você ri.

Para mim: Inverno e Primavera, achei ambos os episódios sem sal, porém pertinentes a história, sem eles você se perderia totalmente nas decisões de Rory. Já o Verão e Outono, são mais engraçados e com menos drama, me conquistaram mais, além de que os personagens principais da temporada clássica aparecem mais nesses dois, então se quer matar a saudades de todos, confie em mim, vale ir até o fim.
Matamos a saudade, ah, o Kirk continua o mesmo…

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s