[Resenha] Reconstruindo Amelia

Você conhece a pessoa que mais ama no mundo?Kate Baron achava que sim até receber a devastadora notícia de que Amelia, sua filha de 15 anos, cometeu suicídio pulando do telhado do colégio particular onde estudava. Poucos dias depois, entretanto, uma mensagem anônima em seu celular revela que a morte de sua filha talvez não tenha sido da maneira que as autoridades alegaram.Amelia pode ter sido assassinada? Como advogada, Kate está determinada a descobrir a verdade e, para isso, mergulha no passado da filha, recolhendo cada fragmento de e-mail, cada linha dos textos do blog, cada atualização de status do Facebook.Sempre um passo atrás da verdade, ela descobre um lado de Amelia que nunca imaginaria que existisse.Este impressionante romance de estreia vai além de uma história sobre segredos e mentiras. Narra a busca de uma mãe tentando reunir cada detalhe possível para reivindicar a memória da filha que não pôde salvar

 

 

Comecei esse livro com uma interrogação pois ele tem uma escrita diferente. Mas realmente me surpreendeu e me deixou com alguns duvidas que não foram esclarecidas.

Ele é escrito na visão de Kate Baron, a mãe e advogada de sucesso que sempre trabalhou muito para dar tudo de melhor para a filha principalmente uma boa educação e conta com alguns de seus e mails escritos e algumas partes de seus diários. Escrito também na visão de Amélia com trechos de alguns de seus posts do facebook e suas mensagens de texto com os amigos. As publicações de um blog chamado Graciosamente que conta todas as fofocas do alunos de Grace Hall (escola de Amelia).

Toda essa escrita conta o que aconteceu no dia que Amelia Baron cai do telhado da escola. Amelia acusada de plagiar um trabalho escolar, sua mãe é chamada a escola e por eventos no serviço acaba se atrasando para chegar na escola e quando chega Amelia está morta.Sua filha de 15 anos morta.

Depois de algumas semanas quando Kate resolve voltar ao trabalho ela recebe uma mensagem de texto que diz: Amelia não pulou.

Depois dessa mensagem Kate resolve desvendar todo o mistério em torno da morte de Amelia que a policia não encontrou. E saber realmente se ela foi assassinada ou se pulou.

Várias coisas são reveladas. Como quem é o pai de Amelia. Até porque desde o inicio sempre foi dito que Kate tinha criado Amelia sozinha. O mistério em torno de quem é o pai de Amelia fica todo o livro e só realmente descobrimos no final quem é o pai de Amelia (pra ser sincera nem eu imaginava, juro).

Toda a historia de Amelia, o que ela passa na escola, suas amizades, a descoberta de uma homossexualidade, tudo isso faz desse livro uma ótima pedida.

A escrita fácil e fluida. De um jeito que prende o leitor e nos fazem querer descobrir cada misterio que o livro aponta.

Todas as mensagens de texto mostradas no livro são de uma realidade de adolescentes que realmente mostra como os mesmos nos seus 15 anos tem suas duvidas.

Foi um excelente livro que nos mostra como as vezes não conhecemos nossos filhos tanto quanto imaginamos.

“Mistura perfeita de história policial com drama de relacionamento, Reconstruindo Amelia deve ser saudado como um dos melhores livros do ano.” – Entertainment Weekly

“Inteligente e assustador… McCreight mostra o pior lado do universo escolar em uma história que fará os leitores mais velhos se lembrarem com carinho dos dias em que os jovens tinham problemas apenas para passar cola em sala de aula.” – USA Today

“Um thriller com várias camadas e um final perfeito e inesperado.” – Kirkus Reviews

Clique aqui para ler um trecho do livro!

Nota: 4/5

 

 

 

 

 

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s