[Resenha] As Aventuras do Caça Feitiço – O Sacrifício

Em O Sacrifício, sexto volume de As Aventuras do Caça-Feitiço, Joseph Delaney, escritor bestseller na Grã-Bretanha, apresenta o capítulo mais sinistro e desafiador da série até agora. Por meio de personagens cativantes e uma trama assustadora, o autor prova que uma história, quando bem-contada, pode se tornar um marco.

As Aventuras do Caça-Feitiço conseguiu um feito grandioso: ter um enorme séquito de fãs anos antes dos livros serem adaptados para o cinema e de outras séries tornarem-se mania mundial. Aliás, o primeiro volume chega às telas de todo mundo em 2013 com um elenco estelar. Nas histórias, Delaney traz Thomas Ward, o sétimo filho de um sétimo filho que se tornou aprendiz do Caça-Feitiço. Desde então, suas missões são árduas, pois o mestre é um homem frio e distante, e muitos alunos já fracassaram.

Dessa vez, a mãe de Tom precisa da ajuda do filho para evitar que sua terra natal, a Grécia, seja dominada por Ordeen, uma das mais poderosas deusas antigas. Além disso, é necessário impedir que o Maligno e a deusa se aliem, ou o mundo sofrerá uma nova era de trevas. Para o combate, estarão juntas criaturas poderosas. O único problema: entre elas estão as feiticeiras de Pendle, inimigas mortais que Tom jurou nunca se aliar.

Ogros, feiticeiras e criaturas malignas estão à espreita. Por isso, vale lembrar: evite ler este livro à noite!

Não consigo pensar em um nome mais adequado para este livro, o sexto volume da excelente série “As Aventuras do Caça Feitiço” escrito por Joseph Delaney. “O Sacrifício”  é com certeza o livro mais emocionante e o mais profundo de toda a serie e seu título lhe caiu como uma luva.

Quando olhei o título desse volume, interpretei a palavra “sacrifício’ no sentindo mais cru e corriqueiro que ela propõe. Pensei o seguinte: alguém vai fazer um baita de um sacrifício estilo “Os maias”, com muito sangue e coração arrancado do peito e assim vai salvar o dia. Não esperava mesmo que o “sacrifício” de Delaney levasse a cabo o sentindo mais amplo e poderoso desta palavra. Não é simplesmente deitar numa mesa de pedra e ter o coração arrancado do peito. O “sacrifício” de Delaney aborda os mais variados significados dessa palavra e não se detém apenas a um único personagem conforme o imaginado. Todos os envolvidos com o enredo desse sexto volume precisam fazer algum tipo de sacrifício em prol de um bem maior.

Precisam sacrificar suas crenças;seu aprendizado, família, amor, passar por cima de suas diferenças, de suas animosidades. Tudo isso porque a misteriosa mãe de Tom está de volta ao condado e quer levá-lo à Grécia, sua terra natal, para ajudá-la na luta contra as forças das trevas que se agitam por lá. Ordeen, uma das mais poderosas deusas antigas está prestes a atravessar o portal para o mundo humano e a mãe de Thomas teme uma aliança certa entre ela e o Maligno que traria ainda mais trevas e caos ao mundo.

Mas para isso, ela precisa da ajuda das feiticeiras de Pendle da qual Tom jurou nunca se aliar. Seu mestre, John Gregory, é altamente contra a ideia da mãe de Tom e ter que escolher entre o mestre que ama e admira, de todos seus ensinamentos e o pedido de sua mãe, é apenas uns dos sacrifícios trago a tona nessa emocionante história.

A narrativa de Delaney continua espetacular. Simples, sem floreios, sem rodeios. A história começa a se desenrolar desde a primeira página e na metade do livro você já se ver caminhando para o sprint final. Gosto desse autor principalmente por isso, ele não perde tempo, não enrola, coloca no livro apenas o que tem que colocar e consegue fazer isso de forma bela, cativante e singular, explicando tudo o que tem que explicar. O toque de terror, de trevas, persiste no enredo de uma forma tão maravilhosa e real que eu nem tenho palavras para explicar.

Foi com certeza mais um livro fantástico dessa série maravilhosa que eu super recomendo!

Livros da série publicados no Brasil até o momento:

Anúncios

5 pensamentos sobre “[Resenha] As Aventuras do Caça Feitiço – O Sacrifício

  1. Pingback: [Resenha] O Pesadelo – Um novo ponto de vista | No Meu Mundo

  2. Pingback: [Resenha] As aventuras do Caça-feitiço – O Aprendiz | No Meu Mundo

  3. Pingback: [Resenha] O Destino – As Aventuras do Caça Feitiço | No Meu Mundo

  4. Pingback: [Resenha] Eu sou Grimalkin | No Meu Mundo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s