[Resenha] Contos de uma Fada – A Nascente das Montanhas

Um julgamento aguarda por Michelle. Seu crime? Nascer.
Michelle está prestes a ter sua vida virada de cabeça para baixo. Ela passa de uma simples garota carioca que gasta seu tempo livre com o namorado, Guilherme, para uma princesa de Lammertia, a terra das fadas.
Descobrindo ser fruto da junção perigosa de elfos e fadas e que não deveria ter sobrevivido aos primeiros segundos de vida, Michelle parte para a Nascente das Montanhas com a ajuda de seus novos e mágicos cúmplices. Ela tem de convencer a todos do reino que pode continuar viva; e isso não será nada fácil. Tudo o que a nova princesa deseja é voltar para casa e para seu namorado. Mas antes terá de mudar o mundo das fadas para sempre. Será que ela vai conseguir?

Já nas primeiras páginas do livro pude notar que ele é muito diferente de boa parte dos livros brasileiros modernos, a autora passa a nossa realidade de forma simples e não exagerada no momentos de Michelle no Rio de Janeiro.

Boa parte do livro se passa em Lammertia, o reino das fadas, um lugar mágico cheio de criaturas míticas. Que também é o lugar no qual Michelle é obrigada a se adaptar a uma vida nova com asas. O que custa tempo, afinal no Rio de Janeiro ela tinha uma vida com problemas mas que pudesse dizer normal, tinha um namorado que ama, uma grande amiga, um irmão e pais mesmo que adotivos e do nada ela é obrigada a ir para um lugar novo onde tem que viver com várias criaturas míticas e ainda por cima deve aprender como ser uma fada e não uma fada qualquer mas a futura rainha.

E como se não bastasse ela descobrir ser adotada e que tem asas e que é herdeira do trono de Lammertia, ela também descobre ser a mistura de uma fada vermelha com um elfo, algo raro e ate mesmo perigoso, por isso proibido. O que faz com que a sua vida de fada não seja a mais normal de todas. Parece que tudo esta conspirando contra Michelle, mas mesmo com todos esse problemas ela tem alguém nesse mundo no qual ela ama, Kieren, seu irmão e também seu porto seguro.

Como se não bastasse estar perdida no meio disso tudo a mãe de Michelle, a rainha demonstra ser uma pessoa um tanto dura e não muito presente por ter muitas coisas para resolver, sei pai que aos olhos de Michelle principalmente pelos comentários de Kieren parece ser uma pessoa mais carinhosa e simpática ela demora para ter oportunidade de conhecer.

Por ser uma fada ela descobre não poder voltar para terra e isso faz com que ela sofra muito, já que deixou seu namorado Guilherme para trás no Rio de Janeiro sem nem poder dizer adeus. Mas Michelle é teimosa e não aceita não poder ver e falar com Guilherme nunca mais. E isso faz com que ela vá atrás de uma forma de voltar a terra, mesmo que por um breve tempo para se despedir de Guilherme. E logo descobre que isso é possível, mas que não é muito fácil e que possui muitos riscos.

O livro é realmente muito bom, possui um enredo cativante, uma leitura empolgante e divertida. Ele definitivamente não é só uma capa bonitinha e mais uma história sobre fadas é muito mais que isso.

Terminei de lê-ló muito rápido, a partir do momento em que entrei no mundo de Contos de uma Fada me apaixonei. Aguardo ansiosa o próximo livro, principalmente pelo final do livro deixar muitas perguntas em aberto.

Um pensamento sobre “[Resenha] Contos de uma Fada – A Nascente das Montanhas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s