[Resenha] Terra de Histórias – O Feitiço do Desejo

“Os irmãos gêmeos Alex e Conner estão vivendo os piores dias de suas vidas. Para tentar alegrá-los, no aniversário de 12 anos, a avó os presenteia com o antigo livro de histórias que o pai costumava ler para eles, quando crianças, antes de dormir. E a magia volta a tomar conta da vida dos dois – de verdade! Assim como Alice chegou ao País das Maravilhas após cair num buraco do coelho, Alex e Conner são sugados pelo livro e vão parar dentro do mundo dos contos de fadas. Lá, descobrem o que aconteceu com os personagens após o “E foram felizes para sempre”. Cachinhos Dourados, por exemplo, é uma fugitiva. Chapeuzinho Vermelho tem seu próprio reino e Cinderela, agora rainha, está prestes a se tornar mãe. Mesmo em meio a tantas surpresas, os gêmeos não têm tempo a perder: precisam voltar para casa antes que o livro se feche e a mãe dê queixa do desaparecimento deles. Para que o Feitiço do Desejo se cumpra, Alex e Conner têm de desvendar as pistas deixadas em um diário. Eles só não podiam imaginar que mais alguém estava no rastro e faria de tudo para atravessar para o mundo real no lugar deles: a Rainha Má.”

Sou uma grande fã do trabalho de Chris Colfer como ator e cantor, quando descobri que ele escreveu um livro eu tive que comprar para ver se me tornaria fã de mais um tipo de trabalho dele, sendo um livro de pós contos de fadas então, eu pensei na mesma hora, eu preciso desse livro e logicamente assim que o comprei, ainda na livraria comecei a devora-lo, confesso que demorei bastante para terminar de lê-lo, devido a outros afazeres, mas não me arrependi em momento nenhum de tê-lo comprado.

Basicamente a história é de Alex e Conner, dois irmãos gêmeos, mas que não tem muito a ver um com o outro, enquanto Conner odeia estudar, odeia escola e ama muito dormir, sua irmã gêmea, Alex ama escola, ama os livros, não é nada popular, é a típica nerd, porém existe algo que os irmãos compartilham, o conhecimento pelos contos de fadas, contos esses que foram muito presentes durante a infância deles, pois para tudo o que eles passavam, o pai sempre tinha algum conto de fada para levantar o astral deles.

Porém a um ano atrás, no aniversário dos gêmeos, o pai veio a falecer em um acidente e as coisas complicaram para a família, pois agora somente a mãe era a responsável financeira, além da saudade dos pais, os irmãos tiveram que lidar com mudança de casa e a ausência da mãe que trabalhava cada vez mais para conseguir sustentar os filhos, as coisas só pareciam piorar quando o aniversário de 12 anos dos gêmeos chegou, foi quando eles ganharam de sua avó paterna um livro de historias que pertencia a ela fazia muito tempo, livro esse chamado “Terra de Historias” o que era para ser um simples livro se tornou um portal que fez os gêmeos entrarem no livro, irem direto para a Terra dos Contos de Fadas, onde eles descobrem o que aconteceu com cada personagem depois do “Foram felizes para sempre”, eles percebem que essa frase não é tão real assim no mundo onde lobos, bruxas, ogros e duendes são grandes inimigos.

Conner e Alex descobrem uma forma de conseguir voltar para casa, somente o Feitiço do Desejo e eles tem que correr contra o tempo por toda a Terra de Histórias para conseguir juntar todos os itens para realizar o feitiço e assim retornarem para casa.

Para todos que amam esses livros estilo “Alice no País das Maravilhas”, “O Mágico de Oz”, “Crônicas de Nárnia” e outros livros de crianças que vão parar em outro mundo, vão adorar esse, cheio de ação e aventura, Chris Colfer nos mostra o que poderia acontecer se não nos aprofundássemos mais em cada conto de fada, podemos ler a versão de Chris do real motivo que faz a Rainha Má ser mesmo má, descobrimos o que pode acontecer com um reino depois de despertar de um sono de décadas, além de saber o que poderia acontecer com Cachinhos Dourados, pois ela invadiu um casa.

É bacana também ter outra perspectiva sobre os personagens que conhecemos a tanto tempo, confesso que a Chapeuzinho Vermelha do livro é um saco, dá vontade de esgana-la, enquanto Cachinhos Dourados, ela simplesmente se torna sua personagem favorita, com certeza quem ler vai se apaixonar ainda mais pela Bela Adormecida dessa versão, além de se envolver bastante no livro, tem momentos que simplesmente não dá para parar de ler.

O livro tem um ótimo enredo que te faz envolver cada vez mais tanto com a história quanto os personagens, Chris Colfer teve o cuidado de descrever exatamente como é cada reino sem isso tornar-se uma leitura chata, inclusive na capa interna do livro podemos observar um mapa de como seria a Terra de Historias, onde ficaria cada reino, para que assim você possa se ambientar melhor.

O livro é capa dura e sua capa é muito trabalhada, achei importante comentar sobre a capa pois cada detalhe dela contem os elementos do livro, até por isso resolvi colocar a imagem da capa para todos verem e vou pedir para observar alguns detalhes:

  • O nome do livro que eles recebem da avó se chama Terra de Historias, é descrito como um livro verde com o nome “Terra de Historias” escrito em dourado.
  • Os dois caindo é logicamente Alex e Conner, eles caem do céu em uma floresta.
  • Podemos ver também quase coberta pela floresta a torre da Rapunzel.
  • Ainda na imagem, podemos ver escondido quase imperceptível ali embaixo a casa de doces de João e Maria.
  • Perto do castelo como se subisse além do céu, do lado esquerdo, vemos um grande pé de feijão de João e o Pé de Feijão
  • Temos do lado esquerdo, mas fora da paisagem uma mulher com cabelos escuros e pele branca, as maçãs confirmam que aquela é a Branca de Neve.
  • Do lado direito uma mulher loira com uma roca, que logicamente é a Bela Adormecida.
  • Ali embaixo, perto do nome do Chris temos duas fadas segurando um sapatinho de cristal que é da Cinderela
  • Do lado direito embaixo vemos um lobo das histórias de Chapeuzinho Vermelho e Os Três Porquinhos
  • Do lado esquerdo embaixo, o sapo das histórias do Príncipe que vira Sapo

Espero que tenham gostado da resenha e tenho certeza que aqueles que forem ler, vão gostar ainda mais do livro. Agora Chris Colfer além de um ótimo ator e cantor é também um ótimo escritor, não é a toa que o livro foi para a lista de best seller do New York Times.

Anúncios

6 pensamentos sobre “[Resenha] Terra de Histórias – O Feitiço do Desejo

  1. Pingback: Desejos literários de Novembro | Queimei Meus Navios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s