[Resenha] Cry Wolf – O Jogo da Mentira

cry wolf

“Após uma garota ser encontrada morta nos arredores do colégio Westlake Prep, um grupo de estudantes decide espalhar um boato macabro: que um assassino chamado “O Lobo” está por perto, em busca de sua próxima vítima. A brincadeira tem por objetivo conferir quantas pessoas acreditarão no assassino fictício e quantas descobrirão que nada daquilo é verdade. Porém logo em seguida alguns alunos aparecem mortos nos arredores, deixando a dúvida se a história que inventaram é realmente apenas uma brincadeira.”

Eu tinha visto trailler desse filme na televisão, essa semana, diversas vezes e ele parecia ter uma fotografia legal, resolvi então pegar para vê-lo, achando que seria mais um desses filmes bobinhos americanos, ok, pode parecer estranho eu ter falado que queria ver um filme que parecia um filme bobo americano, mas é que a fotografia é muito boa e isso me atraiu demais no filme, a fotografia é algo que realmente me faz ver um filme.
A sinopse do filme é interessante, mas não tanto assim, sei lá, não me atraiu tanto quanto a fotografia, mas ao ver o filme, nossa que filme… De verdade é um filme ótimo, superou totalmente todas as minhas expectativas e o elenco estava realmente maravilhoso, poucos artistas conhecidos por mim, mas eram todos muito bons.
Basicamente como acontece o filme Owen acaba de entrar no colégio Westlake Prep e ele conhece Dodger, uma garota simpática que logo desperta o interesse de Owen, o colégio é um internato e quando dá a noite, Tom, o colega de quarto de Owen o chama para sair escondido, disse que Dodger havia dito para Tom levar o garoto, eles vão para a capela, onde um grupo de estudantes está por lá para fazer o jogo noturno, eles se reúnem a noite na capela para fazerem o jogo do Lobo, cada um aposta um dinheiro e todos fecham os olhos, exceto Dodger que é a pastora, ela então passar por todos, escolhendo um dos participantes, chamados de ovelhas, para marcar com um risco no peito, o marcado é o lobo.
Então o jogo começa, um dos participantes acusa o outro de ser o lobo, o acusador fala para todos o porque acha que o acusado é o lobo, e o acusado tem que convencer o porque ele não é o lobo, no final todos votam se o acusado é o lobo ou o acusador é o lobo, quem é votado como lobo tem que levantar a blusa e mostrar se tem alguma marca, se não tiver ele sai do jogo, se o acusado for votado como lobo e realmente for o lobo, o acusador ganha o dinheiro. Se no final o lobo conseguiu escapar de todas as acusações, ele fica com o dinheiro.
Nessa noite quem é marcado como lobo é o Owen, ele consegue vencer o jogo e quando vence, explica o porque conseguiu convencer a todos de que ele não era o lobo, no dia seguinte, Dodge surge com a ideia de fazer a brincadeira do lobo com todos os alunos do colégio, eles seriam o lobo.
Eles usam então a historia da garota que havia sido assassinada perto do colégio, para criar uma brincadeira, envolvendo um serial killer que já tinha matado diversas pessoas assim em outros colégios, criando um falso e-mail, que é distribuido a todos do colégio, onde relata até como seria as próximas mortes, usando a eles mesmos como possíveis vitimas.
Isso seria apenas uma brincadeira, se Owen não começasse a receber mensagens de alguém com o nick de lobo, falando que os desejos dele podiam se tornar reais e alguem que vestia a roupa descrita no e-mail, como pertencendo ao serial killer, começa a fazer algumas aparições para Owen.
O final é realmente inesperado, é um filme que vale muito a pena ver e tentar descobrir quem é o verdadeiro lobo da história.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *