[Resenha] Sombrio Perdão

Último livro da série Wicked Lovely, um conto de fadas contemporâneo ambientado num mundo ao mesmo tempo fabuloso e cruel, sedutor e perigoso, Sombrio perdão leva a jornada da jovem Aislinn Foy a um desfecho emocionante. Bestseller do The New York Times, a série de Melissa Marr foi traduzida em 26 línguas e vendeu mais de um milhão de exemplares, conquistando os leitores com seu clima romântico e um tanto sombrio.

A saga que eu tanto acompanho chega ao fim, e de forma surpreendente, o número de vezes que eu me espantava com algo, torcia, vibrava e chorava foram incontáveis, realmente esse livro deu um desfecho épico para a saga e pela primeira vez desde que eu comecei a ler os livros de Melissa Marr posso falar, que o livro tem um final feliz, não um final bom, ou um final aceitavel para os personagens, mas realmente um final feliz, o que foi muito bom porque o meu pobre coração não aguentava mais ver os personagens que eu tanto amava sofrendo.

Apesar do final feliz eu já aviso, se prepare para ainda sim xingar muito a autora e até mesmo pensar em abandonar o livro, porque essa foi minha reação algumas vezes, teve um determinado momento do livro que eu fiquei com tanta raiva e desolada que eu não consegui continuar lendo, eu simplesmente fechei o livro e fiquei totalmente sem ação, tive que ligar para minha amiga, colocar minha raiva para fora (sem contar spoiller para ela que começou a ler a saga recentemente) para apenas horas, muitas horas depois continuar lendo e independente do seu personagem favorito eu lhe dou esse conselho, leia até o final.

Com esse livro maravilhosos e esse excelente desfecho, Melissa Marr entra no meu hall de escritoras favoritas, mas é realmente uma pena que o livro não tenha sido tão bem divulgado no Brasil e nem mesmo estourado, porque um filme dos livros seria simplesmente épico, de tirar o fôlego.

1 comentário Adicione o seu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *