[Filme] – Battleship – A Batalha dos Mares

battleship

Alex Hopper (Taylor Kitsch) é um oficial naval do navio USS John Paul Jones, comandado pelo almirante Shane (Liam Neeson). Alex é noivo de Sam (Brooklyn Decker), filha de Shane, apesar de não ser bem visto por ele. Já em alto mar, eles precisam unir forças com a tripulação do navio USS Samson, comandado pelo irmão mais velho de Alex, Stone (Alexander Skarsgaard), ao encontrar uma força alienígena desconhecida, que ameaça a existência da humanidade. Um grupo de cientistas, comandados por Cal Zapata (Hamish Linklater), e de especialistas em armas, como Cora Raikers (Rihanna), também compõem a equipe. Acompanhando tanto o lado dos humanos quanto o lado dos alienígenas, Battleship apresenta a intensa disputa pelo controle da Terra.

Quando fui ver o filme, confesso que não fazia ideia do que se tratava, sabia apenas que era um filme com o Taylor Kitsch (meu eterno Gambit) e que a Rihanna iria participar, não sabia que o personagem dela teria tanta importância, nem ao menos sabia que o filme seria baseado no jogo “Batalha Naval” criado por Milton Bradley em 1931, eu juro que demorei bastante para fazer a ligação entre o jogo e o filme, mas realmente em uma das batalhas, passa a ser totalmente Batalha Naval.

Bem, o filme começa com Alex Hopper, em um bar com o irmão mais velho Stone Hopper, é aniversário de Alex e ao ver uma garota no bar, Sam, Alex resolve impressiona-la, ele acaba fazendo uma grande besteira para conseguir burritos de frango para a garota e acaba sendo preso, seu irmão, que é oficial da marinha, insiste que Alex tem que tomar um rumo na vida e o alista na marinha.

É feito uma passagem de tempo, onde mostra um Alex já na marinha e namorando Sam, mas Alex não tomou jeito na vida ainda, não tem muita responsabilidade e não é nenhum pouco humilde, se achando sempre o melhor e prejudicando os demais, ele e outros marinhos são enviados para um treinamento, porém algo acontece durante o treinamento e três barcos da marinha ficam presos em um campo de forças junto com ET’s que pretendem invadir a Terra e é aí que tudo começa.

Apesar de o foco ser em Alex, ele é o personagem principal da historia, o filme ele abrange outros personagens, mostrando a evolução de outros personagens, que mesmo tendo uma historia rápida, conseguem passar por uma reviravolta, o que mostra que quando a vida de todo um planeta está em jogo, todos nós podemos trazer o herói que existe dentro de nós, até aqueles que não acreditavam mais em si mesmos.

O filme também ensina o respeito que devemos ter em relação aos mais velhos, a sabedoria e força deles e que nem tudo que é velho é imprestável, as vezes aquela antiguidade é tudo o que nós temos e que pode salvar nossa vida. Além desses valores morais, podemos aprender bastante sobre estratégia.

Cheio de ação e explosões é um ótimo filme para se ver em uma tela bem grande e um som alto, apesar disso, vale a pena esperar para alugar e ver em casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *