A Verdade sobre os Contos de Fadas – Branca de Neve e os Sete Anões

branca de neve

O conto do dia é Branca de Neve, mas a historia da Branca de Neve não é tão bonitinha como conhecemos, vamos desvendar o lado verdadeiro e macabro dessa historia? Com certeza é de arrepiar qualquer um. O conto ficou popular através dos Irmãos Grimm, com o nome de Little Snow-White, eles tinham ouvido essa história de duas irmãs chamadas Jeannette e Amalie Hassenpflug, que era mais ou menos assim.

Em algumas versões se fala que a madrasta, ainda é madrasta, mas em outras fala que a madrasta é na verdade a mãe da Branca de Neve, o que torna isso ainda mais bizarro e medonho, mas como essa é a minha intenção, acabar com a sua infância, tratarei ela como mãe e não como madrasta, porque é mais bizarro ver o que uma mãe fez com sua filha.

Nossa historia começa quando Branca de Neve tem apenas 7 anos, sim, com apenas 7 anos a garota provoca a ira da sua mãe, a rainha, por causa de sua beleza, a garotinha crescia como uma linda mocinha e a mãe com o tempo, como é normal com todo mundo, vai envelhecendo, se tornando uma velha decrepita, é então que a mãe, dar um fim na filha e resolve prepara-la para jantar. Acho que se passou na cabeça dela, fazer uma poção rejuvenescedora com os órgãos da filha (e assim sabemos como foi criado o primeiro creme anti-rugas).

A Rainha então contrata um caçador para matar a sua filha, como prova de que ele a teria matado, o caçador teria que trazer não apenas o coração de Branca de Neve, mas também o pulmão, fígado e todo o seu sangue em uma jarra. No acordo feito com o caçador, ele deveria levar Branca de Neve para a floresta e mata-la, mas o caçador que tem coração, diferente da Rainha, ele a deixa fugir, matando um javali e levando os órgãos dele para a Rainha que o come. Nesse momento nós sabemos que as irmãs Hassenpflug não entendiam nada de anatomia, nem a Rainha e nem o caçador.

Tirando o fato de que Branca de Neve tinha apenas 7 anos, a historia continua como nós conhecemos, ela foge, acha a casa dos 7 anões e passa a morar com eles, mas a vida dela não é tão bela assim, em troca da estadia ela tem que lavar, passar, costurar, limpar a casa e sabe-se lá mais o que, para 7 homens pequenos. Sim, pensem besteiras, porque de boa véio, são 7 anões que moram sozinhos em uma floresta e do nada aparece uma mulher linda, inocente e sozinha do tamanho deles… Deixem sua imaginação fluir…

Estava tudo muito bom, tudo muito bem, ou não, mas a Rainha descobre que o caçador mentiu para ela (lenta), pois o espelho fala isso para ela, sim, em algumas versões ainda se fala do espelho fodástico e fofoqueiro dela, ela então vê que os homens são mentirosos, afinal o caçador mentiu para ela, e resolve procura-la, chegando na casa dos 7 anos. Nesse momento da historia eu sempre me perguntei como ela descobriu onde ela estava escondida, me perguntando se era o espelho que tinha um GPS preso na Branca de Neve, ou se era a Rainha, para saber tão rapidamente a localização da garota.

A Rainha então chega na casa dos anões e bate na porta, quem atende é a Branca de Neve, a Rainha que está disfarçada de velha, aparece vendendo um corpete de seda, usando técnicas de venda aprendida com o Polishop, ela convence a Branca de Neve a usar o Corpete, quem a ajuda a colocar, logicamente é a Rainha e dá um puxão bem forte e o amarra, para a garota morrer sufocada, quando Branca de Neve cai desmaiada, a Rainha sai feliz da vida, achando que conseguiu mata-la.

Mas então os sete anões chegam, vê ela caida e na hora de tentar acorda-la, acabam afrouxando o corpete, e ela volta a respirar, voltando a vida, sim as princesas de conto de fadas são zumbis e adoram voltar a vida. Ela conta o que aconteceu e os anões falam para ela não atender mais a porta.

Ao retornar para o seu castelo, a Rainha descobre que Branca de Neve ainda está viva e volta de novo a procura-la no dia seguinte, bate na porta e Branca de Neve, como toda princesa de conto de fadas, burra pra caralho, atende a porta, novamente engole a conversa da Rainha, vestida de velha, que agora vende um pente e resolve pentear o cabelo da Branca de Neve (Porque naquela época não era só vender, os vendedores tinham que mostrar o total funcionamento do seu produto, seria bom se isso acontecesse hoje em dia), mas o pente está envenenado e novamente Branca de Neve vai ao chão, mais uma vez a Rainha sai toda feliz.

Os anões chegam em casa e ao ver a tapada morta de novo, eles tentam acorda-la e mais uma vez conseguem, ela conta da mulher, eles dão uma bronca nela e falam para ela mais uma vez não atender a maldita porta, sinceramente? Os anões eram muito bonzinhos, se fosse eu a deixaria morrer para aprender, hora essa.

A Rainha chega em seu castelo, mais uma vez comemorando, mas o espelho fofoqueiro, que já está por dentro de tudo, disse que mais uma vez, a Branca de Neve não morreu, nessa hora a Rainha começa a acreditar que a Brance de Neve é Highlander, pois, nunca morre e resolve ir fazer mais uma tentativa de mata-la, dessa vez com a maça envenada. Mais uma vez a Branca de Neve abre a porta e novamente a nossa Rainha com muita lábia a faz comer desta vez a maçã envenenada e cai morta de novo.

A Rainha volta ao seu castelo já perguntando ao espelho se deve comemorar e dessa vez sim, os anões não conseguiram reviver a Branca de Neve e a Rainha fica feliz da vida, finalmente tinha cumprido sua missão. Continuava sendo a pessoa mais linda do mundo.

Os anões que nutriam um carinho especial pela Branca de Neve (e vocês achavam que ela fazia apenas serviços puros) não tiveram coragem de enterra-la, pois ela ainda tinha uma boa aparência e bochechas coradas, por isso fizeram uma cripta de vidro para ela e a deixaram no meio da floresta, algo totalmente mórbido na minha opinião, mas o pior ainda estava para acontecer.

Um príncipe pedófilo e que gostava de necrofilia (porque apenas isso justifica a atitude dele em seguida), que passava por ali e viu a cripta, resolveu compra-las dos anões que foram altamente sensatos em não vender, pelo menos não inicialmente, pois depois eles acabaram sendo burros e deram a cripta para o príncipe de graça, só porque ele insistiu muito (fez até a carinha do gato de botas do Shrek).

Então nosso príncipe nada encatado (porque de boa, quem leva crianças mortas para o castelo?) pede para seus empregados carregaram a cripta, com o corpo morto, para seu castelo e aqui temos duas versões do que aconteceu para a Branca de Neve acordar.

Uma das versões fala que o um dos servos, cansado de cuidar da defunta, lhe desfere um soco na barriga e a Branca de Neve cospe a maçã voltando a vida, na outroa versão, um dos servos tropeça caindo e derrubando o caixão de vidro (que não quebrou), com isso Branca de Neve cuspiu a maçã envenenada e volta a vida (eu já disse que essa garota é Highlander), o príncipe então resolve se casar com ela, mesmo ela tendo apenas 7 anos de idade.

O príncipe então planeja uma grnade festa de casamento e convidam a Rainha (mãe da branca de neve) para a festa, porém a Rainha não sabe que é para o casamento da Branca de Neve, ela se arruma toda e linda e fabulosa, ela se olha no seu espelho fofoqueiro, perguntando se tem alguém mais linda que ela e o espelho fala que Branca de Neve ainda está viva. A Rainha fica puta, mas decide não perder a boca livre para mata-la, poderia matar a garotinha depois e vai no casamento e fica apavorada ao ver que a noiva é a Branca de Neve.

De alguma forma, a Branca de Neve descobre que a mãe é na verdade a velha que tentou mata-la, então, sendo muito vingativa (porque ela não viu Chaves para saber que a vingança nunca é plena, mata a alma e envenena), faz a mãe colocar um par de sapatos de ferro, que estava na brasa até aquele momento (sabe-se lá o porque) e a fazem dançar a noite toda, até cair morta.

O que aprendemos com essa historia:

  1. Príncipes e anões pedófilos eram normais na época.
  2. Você pode passar dias morta, sem respirar que se tirarem o que te sufoca de você dias depois, você volta a vida.
  3. Mães e Madrastas matam seus filhos e isso pode vir a ser normal.
  4. Os órgãos de um Javali e de um ser humano, são normais.
  5. Nunca use corpete, pentes ou comam maçã sem ter anões ou um príncipe necrófilo por perto.
  6. Se for matar alguém, corte sua cabeça fora, vai que a pessoa é uma descentende de Branca de Neve? (Que dizem que está viva até hoje)
About these ads

152 pensamentos sobre “A Verdade sobre os Contos de Fadas – Branca de Neve e os Sete Anões

  1. Que eu saiba de uma versão mais antiga a branda de neve acorda nao de um murro ou de uma queda e sim de um sexo selvagem que o príncipe faz com ela.

  2. Pingback: Vídeo – A Verdade sobre os Contos de Fadas – Branca de Neve e os Sete Anões « No Meu Mundo

  3. MINHA FILIA E UMA DOIDA UMA IDIOTA UMA VICIADA UMA LOUCA UMA ESTRANHA UMA ESQUISITA UMA FEIA
    E SE VOCÊ LEU ISSO SUA FILHA TAMBEM E SEU IDOTA !!

  4. odieiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

  5. UAU muito interessante e vc deixou de certa forma o conto de fadas dela, em uma historia de terror , mas que no caso ficou engraçado por dada tamanha estupidez da Branca de neve

  6. muito bom se n foçe pelos os grimm história não seria tão boa isso que e história quando tive um filho vo bodar praele ler isso morri de rir.dessa histori oque e sinistro e encraçado pra min.cada um tem sua opinião.

  7. Nossa sinceramente essa fui a melhor história de Branca de Neve, você deixou a história apavorante, e ainda animada, e não modificou ela totalmente, você merece Parabéns, eu gostei muito mesmo, você fui bem realista até (risos).
    Deveria escrever muito mais, você tem talento hein :)
    Ah e valeu por não ter feito eu perder o meu tempo lendo qualquer coisa, sua história fui a melhor na minha opinião.

  8. Dear Mr. Cristian Douglas Hamada Adames
    This is Leandro Scrifter From Teresina, Piaui, Brasil

    I’m here to ask you how can I get the book that You have mentioned above?
    So doI. I also like very much about this tale. I have a lot interest in this book. If you have how help me, I’ll be very happy.
    And If I must pay, no problem, How much is this copies? If you can, send you e-mail so that we could communicate ourselves. Or you also can send a something about to my e-mail: leandord16@hotmail.com
    I’ll be grateful

    Your trusly
    Leandro Scrifter

  9. Quando eu era criança tinha uma fita cassete que contava exatamente essa história,só que a rainha era madrasta dela e a Branca de neve era um pouco mais velha hahah Pra ser sincera eu prefiro essa versão da história.

  10. Já li a versão que você comenta como se fosse uma coisa incrivelmente lasciva. Não é nada disso. Cada um absorve de uma história o que está ao seu alcance intelectual. Você desconsidera que a história foi recolhida no fim do século XVIII, sendo que sua existência já vinha da tradição oral há um tempo que não se pode precisar. Há que se levar em conta fatores culturais diferentes dos de hoje.

    • Minha irmã é historiadora, eu entendo totalmente o porque na época a história tinha esse teor mais assustador, entendo a parte de época e cultural, a cabeça das crianças da época não era a mesma, nem dos pais. Sei que conforme o tempo passa as histórias são adaptadas para as pessoas da época. Muitas histórias que me foi contada quando eu era criança, filmes que eu via quando era criança (e que eram feitos para a minha idade), eu não posso contar ou passar para as crianças da onde eu trabalho (sou educadora em uma creche), mesmo elas tendo a mesma faixa etária que eu tinha quando vi e escutei essas histórias.
      Mas eu escrevi a história dessa forma realmente esquecendo todo a parte histórica para dar laços de humor para história, se eu fosse fazer algo sério, a minha postagem seria apenas mais uma entre tantas que você pode ler por aí, eu quis fazer isso de forma diferente.

  11. Nooooooosssssaaaaaaaaa eeeeuuuuu aaaaammmeeeeeeeiiiiiiiii kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk’ riii muuuitooo meesmoo esta de Parabeens..! kkkk’

  12. caralho vou morrer de tanto rir se ler isso dnv o 1 e o 6 estao super certos usdhushdushdu

    O que aprendemos com essa historia:

    1 Príncipes e anões pedófilos eram normais na época.
    2 Você pode passar dias morta, sem respirar que se tirarem o que te sufoca de você dias depois, você volta a vida.
    3 Mães e Madrastas matam seus filhos e isso pode vir a ser normal.
    4 Os órgãos de um Javali e de um ser humano, são normais.
    5 Nunca use corpete, pentes ou comam maçã sem ter anões ou um príncipe necrófilo por perto.
    6 Se for matar alguém, corte sua cabeça fora, vai que a pessoa é uma descentende de Branca de Neve? (Que dizem que está viva até hoje)

  13. Devemos mostrar que nem sempre na vida temos os finais felizes. Devemos mostrar que temos de lhe dar com o sofrimento e não com a comida dada na boquinha devemos mostrar o mundo fora da fantásia, a mentira que cerca o mundo real em que vivemos ( essa é a minha opinião) .

  14. Muito Bom khaushuashuashuahsuhauhsuahsuahsuasasuahsuaushusuauhshas adoro os comentários e so uma pergunta como uma criança de 7 anos consegue ser cruel com a mãe ??? se bem q a mãe era tao boazinha

  15. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk norrssa eu tive q sai do quarto dos meus primos q estavam dormindo para poder rolar de rir manu norssa historia maneira kkkkkkkk rachei sme parar

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s